Mallu Navarro

Moça, de onde vem tamanha força?

Você não cansa, não, moça? Entra ano e sai ano, entra príncipe e sai sapo e você continua acreditando no amor. Já tá na hora de pular das nuvens e cair na realidade antes que seu coração se esfarele. Você não acha? Leia mais

Mallu Navarro

Ninguém morre de amor

A paixão é tão traiçoeira, né?! Todas aquelas sensações desconcertantes nos dominam como fantoches, nos vestem com roupas alegres e engraçadas, nos colocam óculos cor-de-rosa que tocam musiquinhas e saímos cantarolando por aí, sem nos importarmos em fazer papel de ridícula. Leia mais

Jey Leonardo

Eu te procuro mesmo sabendo que você não vai voltar

Por algum motivo eu te procuro. Eu te procuro enfiada no meu sofá marrom com almofadas coloridas e na poltrona azul do meu quarto bagunçado. Eu te procuro estralando os dedos e comendo a unha ao falar de algum assunto sério. Eu te procuro nas minhas gavetas e na falta que as suas meias fazem simplesmente por não estarem se misturando com as minhas. Leia mais

Mallu Navarro

O real respeito se faz presente na ausência do outro

Se tem algo que eu desprezo, com força, nessa vida é a falsidade. Não entra na minha cabeça a necessidade que alguns têm de fingir apreço. Considero, inclusive, fraqueza em virtude de alguma dependência.
Ora, batalhe para ser independente. Conquiste a liberdade de ser você quando e onde quiser. Nem todo falso é mau mas todo falso é fraco. Leia mais

Edgard Abbehusen

Todo mundo enfrenta uma dor, e todos somos capazes de superá-la

Nem sempre o amor será generoso. Muitas vezes, até que a gente se encontre, ele irá nos tirar a tranquilidade. É quando já estamos acostumados com a arrumação das coisas e, de repente, somos obrigados a ver o ambiente mudar sem a gente. É quando o amor fica impregnado nas nossas lembranças. E só. Porque o que era nosso e o que tínhamos como nosso, não existe mais. Leia mais

Andréa Góes

Insônia

No meio da noite
Mergulhada em negro poço
A insônia me possui
Se apossa de tudo o que me aflige
E eu já não posso com o medo,
A insegurança me dirige
Exige que eu seja tudo aquilo que não fui
Corrige meus futuros atos
Inflige punição aos passos falsos
Aponta erros de percurso no asfalto interno- que queima
No asfalto inferno, que lembra
Tudo o que a luz do dia esconde
Mesmo com os faróis acesos e a cabeça alerta. Leia mais

Mallu Navarro

Nenhum adeus me impedirá de amar

Eu sempre me ferro por escolher ser forte. Eu protejo ao máximo quem eu amo, deixo as dificuldades para mim, porque julgo suportar melhor essa dor. Eu vou até as últimas consequências por amor. Eu abro mão de planos, deixo de lado questões que deveriam ser prioridades, porque para mim, o amor sempre esteve acima de qualquer prioridade. Leia mais