Ester Chaves

Amar, às vezes, significa aprender a aceitar o fim

Há quem não saiba aceitar que o amor acaba.
Recorda o último encontro inúmeras vezes como se pudesse editar as falas, abrandar os gestos e resgatar a companhia.

Vive em prol dessa façanha impossível. Se sente culpado por não conseguir mais despertar no outro a intensidade afetiva que havia antes do rompimento. Leia mais